Posted in:

Como se tornar um assistente de fotografia?

Como ser um assistente de fotografia

Esse post é curto, mas acredito que será de grande relevância para muitos que pretendem começar como assistente de fotografia e se tornar um fotógrafo profissional um dia.

Eu escrevi um post com 3 dicas incríveis de como ser um fotógrafo profissional. Agora vou detalhar um pouco mais sobre o item 3 desse post, pois tenho visto que algumas pessoas tem reclamado porque não conseguem nenhum fotógrafo profissional para ajudá-las no começo da carreira.

Para ser um assistente de fotografia, ofereça algo de valor!

TROCA. Essa é a palavra. Não sou psicólogo e nem um estudioso do assunto para discutir em detalhes o conceito de troca, e nem vou afirmar que não existe aquele tipo de troca onde não há obrigação de contrapartida.

Existem pessoas que podem oferecer algo sem cobrar nada de volta. Mas, como diz o antropólogo Marcel Mauss, a sociedade ocidental fez do homem um ‘animal econômico’.

Acredito que esse seja o motivo principal que faz com que um fotógrafo profissional não queira te ajudar. Você não tem nada para oferecer a ele – até que se prove o contrário, é claro. Como eu disse no post anterior, penso que todos tem algo para oferecer.

Por isso eu te diria que, para ser um assistente de fotografia e sair na frente dos demais “concorrentes” que também querem trabalhar com isso, você pode oferecer algo de bom para o fotógrafo.

Vou contar uma experiência própria. Sou consultor de Marketing e Negócios e trabalho com consultoria para fotógrafos. Este ano decidi aprender mais sobre fotografia, e quem sabe me tornar um fotógrafo profissional no futuro. E acho que o melhor caminho é começar sendo um assistente de fotografia.

Mas assim como você, tinha a percepção que o mercado é fechado, e os bons não querem saber de ajudar os iniciantes.

Depois que comecei a oferecer algo para alguns, as oportunidades se abriram. Como sou especializado na área de Marketing, ofereci ajuda a um fotógrafo profissional que precisava aprender mais sobre o Marketing Digital. Aí sim a troca faz sentido! Ele aprende comigo, e eu aprendo com ele.

Em um outro caso, ajudei uma outra pessoa a organizar as finanças, auxiliando-o na precificação do seu trabalho. Resultado: já fui chamado pelos dois fotógrafos para trabalhar com eles.

Como falei no começo, tenho certeza que você também tem algo a oferecer a um fotógrafo profissional. Faça isso e com certeza a sua chance de se tornar um assistente de fotografia vai aumentar bastante!

Se gostou da dica ou tem algo a dizer, deixe um comentário abaixo. Aproveite também e curta nossa página no facebook.

Um abraço, Rafael do Fotografia Mais.

Escrito por Equipe Fotografia Mais

Equipe de Fotógrafos, redatores e designers responsáveis por conteúdos exclusivos e de alta qualidade sobre fotografia para o mercado brasileiro.

191 posts

8 Comments

Leave a Reply

          Deixe uma resposta

          O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *