Posted in:

Chroma Key: O Que é, Aprenda Como Usar e Como Fazer o seu em Casa

chroma key

O Chroma Key, também conhecido como “fundo verde” é uma técnica básica para substituir um fundo de cor sólida por outra imagem.

Essa técnica é muito utilizada no cinema para criar cenários, multidões e até aquelas explosões impressionantes, mas você também pode usá-la nas suas fotos!

Neste guia você verá que para começar a utilizar o Chroma Key em casa, você precisa apenas de organização, estudo e criatividade.

Pronto para começar? Então continue lendo e veja como pode ser fácil colocar fundos incríveis nas suas fotos e vídeos.

Índice

  1. O que é Chroma Key?
  2. Como funciona o Chroma Key?
  3. Qual é a cor do Chroma Key?
  4. Quanto custa um Chroma Key?
  5. O que é melhor para Chroma key? Tinta ou Tecido?
  6. Como fazer um Chroma Key caseiro?
  7. Dicas para usar o Chroma Key como um profissional
  8. Exemplos de uso do Chroma Key em fotografia
  9. Pós-produção com Chroma Key
  10. Conclusão

O que é Chroma Key?

o que é chroma key
O que é Chroma Key?

É a prática que permite que você troque o fundo da filmagem ou fotografia, simplesmente, selecionando uma cor sólida e tornando-a nula.

Para fazer esse recorte, você vai precisar de um software de edição de vídeos ou fotos. Com o software, transforme os pixels das cores selecionada em transparentes e coloque a nova imagem do fundo.

É importante que o seu Chroma Key tenha uma tonalidade sólida, sem variações de tom, para que sua seleção seja precisa e contemple toda a superfície que você quer recortar.

Quando foi inventado o Chroma Key?

Muito antes de serem criadas as câmeras digitais, o cinema já precisava de técnicas diferentes para fazer a magia nas telas acontecer.

Começou com vidros pintados de preto para que a luz não chegasse na câmera e depois fosse feito um novo frame com o fundo desejado.

Essa técnica de “dupla exposição” foi se aprimorando e, por volta de 1910, virou um fundo preto de tecido.

Quando o Chroma Key passou a ser usado da maneira que conhecemos hoje, passou a ser chamado de “tela azul”, porque era a cor mais utilizada.

E o crédito da sua criação vai para Larry Butler, que ganhou um Oscar por efeitos especiais em O Ladrão de Bagdad.

Como funciona o Chroma Key?

chroma key como funciona

Os softwares de edição conseguem separar pixels de cor RGB (vermelho, verde e azul) do resto da imagem.

Então você faz o seu vídeo ou foto com o fundo de uma dessas cores e depois anula essa cor no pós-processamento e coloca a imagem desejada.

Para facilitar esse recorte, você precisa prestar muita atenção na sua pré-produção. A cor escolhida tem que contrastar o máximo possível com os objetos de cena e, se possível, se aproximar da imagem que será colocada depois.

Veja abaixo a diferença entre as 3 cores mais utilizadas e escolha a sua:

Vermelho

Este é o menos utilizado nas grandes produções.

Por estar muito presente na pigmentação da pele e em outros elementos da natureza, sua utilização dificultaria muito o recorte dos pixels.

Geralmente, o fundo vermelho serve para cenas cujo objetivo é evidenciar um objeto composto quase que totalmente de azul ou verde.

Nesse caso, o Chroma Key vermelho é uma ótima opção para destacá-lo.

Verde

Provavelmente você já ouviu alguém chamando o Chroma Key de “fundo verde”.

E isso acontece porque ele é o mais versátil e mais utilizado nos grandes estúdios e produções cinematográficas.

O verde não é uma cor muito presente na pele humana e nem nos objetos de cena, isso facilita o recorte nos softwares.

Outra vantagem dessa cor no Chroma Key é que ela absorve o brilho extra de luz e isso também ajuda na edição da imagem.

Azul

A utilização do Chroma Key começou pela tela azul e até hoje também é muito utilizada nas produções cinematográficas.

Se o seu objetivo é fotografar ou filmar pessoas, o azul gera mais contraste com a tonalidade da pele, se tornando mais vantajoso que o verde.

Entretanto, se utilizado com luz natural (luz do sol) pode trazer uma grande desvantagem: a temperatura de cor deste tipo de iluminação é próxima do azul e pode prejudicar a seleção dos objetos em primeiro plano.

Qual é a cor do Chroma Key?

O Chroma Key tem que ser um fundo sólido (sem diferença de tons) de cor RGB (vermelho, verde ou azul).

Você deve escolher a cor que mais contrasta com o objeto a ser fotografado ou filmado e que mais se pareça com a nova imagem a ser colocada.

Resumidamente:

  • Vermelho para cenas cujo objeto de destaque seja, em sua maioria, azul ou verde;
  • Verde para contrastar com a maioria dos objetos em cena e com a pele humana, e porque absorve brilho extra da luz;
  • Azul para filmar pessoas em ambiente com luz artificial.

Quanto custa um Chroma Key?

chroma key quanto custa

O Chroma Key pode ser feito de diversas formas, escolha a que mais se adequa ao seu objetivo.

Se você quer mais versatilidade e fazer diversas imagens alternando as cores do seu Chroma Key, escolha um de tecido e monte uma estrutura móvel.

O tecido tem que ser opaco, refletir o mínimo de luz possível, é possível encontrar esse material por cerca de R$50,00 na internet.

Se você tiver uma estrutura fixa e quiser pintar a parede, procure as tintas específicas para esta técnica, que também refletem menos luz.

Nesse caso, a sugestão é a cor verde que costuma servir para mais imagens.

Mas se você quiser uma opção com custo ainda mais baixo, pode fazer o seu Chroma Key com cartolinas ou papéis na cor desejada.

Basta tomar cuidado com os reflexos da luz, amassados e esconder bem as emendas.

O que é melhor para Chroma key? Tinta ou Tecido?

chroma key tinta ou tecido

Você conseguirá bons resultados em ambos os casos, se eles não tiverem brilho que prejudica o recorte posterior.

Avalie seus objetivos e necessidades antes de escolher:

Se você quiser uma estrutura móvel e aplicar um fundo diferente para cada ocasião, monte o seu Chroma Key com tecido.

Mas se o seu objetivo for gravar ou fotografar num lugar fixo, a sugestão é pintar a parede com as tintas específicas para Chroma Key que não têm brilho extra.

Nesse segundo caso, a sugestão é usar a cor verde, que vai contrastar com mais objetos que as outras.

Como fazer um Chroma Key caseiro?

Para fazer o seu Chroma Key caseiro você vai precisar de tecido, cartolinas ou papéis com a cor desejada para o seu projeto.

Caso escolha o tecido, você pode prender o tecido na parede com uma fita adesiva ou até um prego, desde que isso não fique aparente na sua produção final.

No caso do tecido, o indicado é deixar um chão com bastante espaço para criar a sensação de fundo infinito.

Se você for usar cartolinas ou papéis, tome alguns cuidados:

  • Não deixe emendas aparentes;
  • O papel não pode ter brilho;
  • A superfície tem que ser a mais lisa possível, evite amassados.

E se você quiser realmente montar uma estrutura móvel para o seu Chroma Key, este vídeo pode te ajudar a montar uma:

Dicas para usar o Chroma Key como um profissional

Agora que você já sabe o que é o Chroma Key, veja algumas dicas para arrasar na hora de aplicar ele nas suas imagens.

A distância entre o assunto e o Chroma Key interferem no resultado final?

Sim! Quanto mais perto o objeto filmado ou fotografado estiver do fundo, maior é a chance do fundo refletir na pessoa ou objeto e diminuir o contraste.

Portanto, utilize a maior distância possível do fundo, isso facilitará o recorte no pós-processamento.

Qual é a iluminação adequada para fotografar com Chroma Key?

O mais importante na hora de usar o Chroma Key, depois da cor adequada, é uma iluminação uniforme.

Se a luz estiver criando sombras diferentes na pessoa e no fundo, seu recorte poderá se tornar muito mais difícil e pode comprometer todo o trabalho.

Cuidados ao fotografar usando Chroma Key

A cor do Chroma Key é o fator mais importante na sua utilização.

Por isso, quando for escolher os objetos que aparecem em primeiro plano, como figurino e acessórios, leve a cor do fundo em consideração.

Uma cena com elementos verdes, não pode ter um Chroma Key da mesma cor, por exemplo.

Outro fator importante é a iluminação, não se esqueça que o fundo e os objetos em cena precisam ser iluminados de maneira uniforme.

A tela ou tecido utilizado para criar o seu Chroma Key precisa ser uniforme, garanta que a superfície seja lisa e sem brilho. Amassados e imperfeições podem te atrapalhar na hora da edição.

Exemplos de uso do Chroma Key em fotografia

chroma key exemplos

Imagem do filme Rise Of An Empire

Apesar do uso do Chroma Key ser mais difundido nos vídeos, ele também pode trazer resultados incríveis na fotografia.

Se você ainda usa câmera analógica, o fundo preto te permite fazer duplas exposições incríveis.

Na fotografia digital, você pode colocar fundos incríveis nos seus registros.

Pós-produção com Chroma Key

Na fotografia, o melhor software para fazer sua pós-produção com Chroma Key é o Adobe Photoshop.

Com ele, você poderá selecionar a cor do fundo e cortá-la para adicionar um novo fundo.

Se você não estiver muito familiarizado com as funções dele, este vídeo pode te ajudar:

Inserindo fundos simples

Se você ainda não tem muita prática com o Chroma Key, comece testando os fundos simples.

Os fundos simples são os neutros, que não precisarão de tanto pós-processamento para combinarem com o objetivo principal.

Planos de fundo complexos

Se você quer colocar um novo cenário completo atrás de uma pessoa vai precisar tomar alguns cuidados adicionais, por isso, eles são chamados de fundos complexos.

Cuidados com a perspectiva e iluminação das duas imagens
Se você já conseguiu tirar o fundo com o Chroma Key e está colocando uma nova imagem, preste atenção na perspectiva e na luz.

Para um efeito realista ambas tem que ser visualmente parecidas.

O que é spill e como minimizar na pós-produção
Ao utilizar o Chroma Key, é muito comum que a cor do fundo reflita um pouco nos objetos de cena, criando uma espécie de contra-luz colorida, isso é o spill.

Para minimizar os efeitos do spill na sua foto ou vídeo, você pode usar um fundo que tenha a cor mais próxima ao fundo que colocará depois.

Se você vai acrescentar um fundo de floresta, por exemplo, o fundo verde é o mais adequado. Se for um céu limpo, pense no azul.

Na pós-produção, caso ainda fique alguma sombra da cor do fundo utilizado, o spill, tente alterar a cor das sombras para a da nova imagem adicionada.

Isso deixará sua foto mais realista e o seu resultado ainda mais impressionante.

Uma dica adicional é: fotografe em RAW. O JPEG costuma comprimir as informações da foto e você pode perder alguns detalhes.

Conclusão

chroma key

Ao longo deste guia você viu que o Chroma Key, além de ter um resultado fantástico nas suas fotos e vídeos, não é tão caro e nem tão difícil de fazer.

Talvez você se complique no pós-processamento se não tiver prática com esse tipo de software, mas não tenha medo de seguir os tutoriais disponíveis.

Lembre-se que, como em tudo na fotografia, quanto mais prática você tiver, mais fácil vai ser de fazer.

Pronto. Agora você já está pronto para começar!

Se você gostou deste artigo, veja outros que selecionamos especialmente para você:

E você, já utiliza o Chroma Key nas suas fotos? Tem mais alguma dica? Ficou com alguma dúvida? Não esqueça de nos contar nos comentários!

Escrito por Equipe Fotografia Mais

Equipe de Fotógrafos, redatores e designers responsáveis por conteúdos exclusivos e de alta qualidade sobre fotografia para o mercado brasileiro.

124 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Quero ser cadastrado na LISTA VIP