Posted in:

Fotografia de Arquitetura: Guia Completo para Tirar Fotos Incríveis na Área

fotografia de arquitetura

Para registrar a beleza e a complexidade das construções urbanas, a fotografia de arquitetura aposta em distintas técnicas especializadas.

Tanto para divulgar o trabalho de arquitetos ou apenas para registrar um olhar artístico, a fotografia exige alguns aprendizados.

A verdade é que as fotos de arquitetura representam um dos estilos mais antigos de fotografia, documentando as transformações das cidades em todo o mundo.

Leia também “Fotos de Paisagens: Como Fotografar Paisagem de Forma Surpreendente” para aprender a fotografar outros tipos de cenário!

Neste post, você vai descobrir quais foram os primeiros passos da fotografia de arquitetura e também quais são as melhores dicas para colocá-la em prática!

Índice

  1. O que é fotografia de arquitetura?
  2. História da fotografia de arquitetura
  3. Aplicações profissionais: como ganhar dinheiro com fotografia de arquitetura?
  4. Como está o mercado de fotografia de arquitetura?
  5. Começando a trabalhar com fotos de arquitetura
  6. Dicas para as fotografias de arquitetura mais incríveis
  7. Galeria: Inspire-se com lindas fotos de arquitetura
  8. Conclusão

O que é fotografia de arquitetura?

fotografia de arquitetura o que é

Com o objetivo de registrar o visual de construções e ambientes internos, a fotografia de arquitetura é um estilo fotográfico que pode ser usado tanto para fins informativos, comerciais e até mesmo artísticos.

Engana-se quem pensa que o cenário urbano não é interessante sob as lentes, a verdade é que as linhas e estruturas são pratos cheios para os fotógrafos criativos.

A abordagem do cenário depende muito do intuito do profissional. Por exemplo, imagens artísticas dão mais liberdade para que o fotógrafo trabalhe perspectivas e ângulos.

Por outro lado, a fotografia de arquitetura como forma de divulgação precisa mostrar o ambiente da melhor forma e, ao mesmo tempo, se manter fiel à realidade.

História da fotografia de arquitetura

fotografia de arquitetura história

A fotografia por si só já funciona como uma das principais técnicas de documentação da história. Já as fotos de arquitetura possuem o objetivo de mostrar as transformações nos cenários, conforme o passar dos anos.

Um dos pioneiros na fotografia de arquitetura foi o francês Eugène Atget, conhecido por registrar as ruas parisienses e o cotidiano de seus habitantes durante a transição dos anos 1800 para 1900.

Inspirada pela visão de Eugène Atget, a fotógrafa Berenice Abbott teve a ideia de registrar o cenário urbano de Nova Iorque durante os anos 30.

Com o passar dos anos, os arquitetos passaram a formar parcerias com fotógrafos, com a intenção de documentar seus projetos de forma que refletisse a essência do desenho.

Uma das duplas mais conhecidas foi composta pelo fotógrafo Richard Neutra e o arquiteto Julius Shulman, durante os anos 40.

Ambos se tornaram grandes referências no modernismo e suas obras ainda são aclamadas pelo amantes da arquitetura e da fotografia.

Aplicações profissionais: como ganhar dinheiro com fotografia de arquitetura?

fotografia de arquitetura profissional

Assim como qualquer outro estilo fotográfico, a fotografia de arquitetura também pode ser profissionalizada e gerar dinheiro.

Para entrar no ramo, é preciso conhecer ambas as áreas e também o mercado, para descobrir quais são as oportunidades disponíveis para você.

Conheça algumas práticas que podem te ajudar a ganhar dinheiro com a fotografia de arquitetura.

Fotos para imobiliárias

As imobiliárias precisam de fotos profissionais e de qualidade para divulgarem as propriedades que estão à venda da melhor forma possível.

Para esta finalidade, as fotos precisam abordar a realidade do ambiente, entretanto, de forma atrativa ao cliente.

Sendo assim, o olhar artístico se torna um tanto limitado e é preciso focar na finalidade comercial da fotografia, valorizando os pontos positivos do cenário.

Concursos e fotografia de arquitetura artística

Existem diversos concursos entre fotógrafos com prêmios em dinheiro, eles costumam ser separados entre estilos fotográficos.

Desta forma, é possível trazer os seus trabalhos sobre arquitetura com olhar artístico e tentar vencer os concorrentes.

Os concursos oferecem ótimas oportunidades para valorizar trabalhos artísticos, já que em alguns deles também podem haver compradores que se interessem em comprar seu trabalho para colecionar.

Fotografia corporativa

Para grandes construtoras e empresas de arquitetura, a fotografia é essencial para apresentar os trabalhos e projetos da companhia, além de divulgá-los.

Sendo assim, esta modalidade fotográfica deve apresentar a construção como ela é, mas da melhor forma possível.

É necessário fazer uma análise cuidadosa das linhas e ângulos que podem ser trabalhados para valorizar o projeto e elevar o impacto da imagem sobre os clientes, funcionários e até mesmo concorrentes.

Como está o mercado de fotografia de arquitetura?

É possível observar que, por mais específico que seja, o mercado da fotografia de arquitetura é amplo e repleto de oportunidades.

Entretanto, é essencial que o profissional busque conhecimento sobre a arquitetura, além de aprimorar seus conhecimentos técnicos da fotografia para aplicá-los neste tipo de cenário.

Sendo assim, é necessário que o profissional se prepare para apresentar-se ao mercado da melhor forma possível e conquistar o seu espaço.

Começando a trabalhar com fotos de arquitetura

dicas fotografia de arquitetura

Se você está interessado na fotografia de arquitetura e quer se aventurar na área, existem alguns passos que você precisa tomar antes de se lançar ao mercado.

Conhecimento nunca é demais, e sempre é melhor obtê-lo com alguém que já tem experiência. Sendo assim, busque conversar com um profissional da área para saber mais sobre a rotina e os segredos da profissão.

Nós solucionamos duas das maiores dúvidas entre os iniciantes da fotografia de arquitetura, continue lendo!

Quanto cobrar pela fotografia de arquitetura?

Talvez essa seja a dúvida mais famosa entre os fotógrafos antes de adentrar uma nova área, e uma das mais importantes também.

Os valores variam bastante, mas existem fatores que sempre te ajudarão a guiar o preço do seu trabalho. Sendo assim, sempre leve em consideração:

  • O tempo que será investido no projeto;
  • As etapas incluídas no desenvolvimento;
  • As dificuldades da tarefa;
  • O prazo oferecido pelo cliente;
  • O formato de entrega das fotos;

De acordo com os níveis de cada um desses indicadores, o valor tende a crescer ou reduzir. Por exemplo, se o cliente oferece um prazo curto para a conclusão do trabalho, o preço tende a ser maior, já que o fotógrafo terá que priorizar o projeto e dedicar mais tempo a ele.

É importante sempre oferecer um valor que seja favorável para ambas partes, mas não aceite negociações em que você acabe no prejuízo.

Vale a pena fazer um curso de fotografia de arquitetura?

Como mencionamos anteriormente, é preciso aprender um pouco sobre a arquitetura para se tornar um bom fotógrafo do assunto.

Da mesma forma, é interessante analisar algumas técnicas que podem te ajudar a capturar melhor os ângulos criados pelas construções.

No curso, você aprenderá um conteúdo especializado e direcionado para a prática, o que pode ser muito útil para se destacar no mercado.

Entretanto, se você não se interessa em estudos em grupo, é interessante buscar pelo menos por alguns livros e conteúdos que falem mais sobre o assunto. Lembre-se: conhecimento nunca é demais.

Dicas para as fotografias de arquitetura mais incríveis

fotografia de arquitetura dicas

Toda modalidade da fotografia requer algumas técnicas e truques especiais para explorar o melhor do cenário, e isso não é diferente com a fotografia de arquitetura.

Tanto para capturar a complexidade das construções urbanas ou a harmonia de ambientes internos, há algumas dicas que você precisa aprender.

Confira algumas dicas importantes que vão te ajudar a criar belas fotos de arquitetura!

Equipamento necessário

A verdade é que um bom fotógrafo não vive apenas de habilidade, ele também precisa do equipamento adequado para entregar um trabalho alinhado com sua visão.

Sendo assim, é essencial contar com uma câmera e acessórios que só te ajudem a melhorar sua prática e capturar exatamente o que você imagina.

Câmera

Por mais que o fotógrafo por trás da câmera seja essencial para realmente capturar fotos de qualidade, uma boa câmera também faz diferença.

Para criar fotos profissionais e explorar diferentes ângulos e enquadramentos, é recomendado que você trabalhe com uma câmera profissional na fotografia de arquitetura.

Principalmente pela possibilidade de utilizar outras objetivas e registrar diferentes aspectos do mesmo cenário.

Objetivas

Os diferentes tipos de objetivas permitem enquadramentos distintos, sendo assim, todas elas são válidas de acordo com o seu estilo fotográfico.

Entretanto, para a fotografia de arquitetura, a lente mais indicada é a grande angular, que varia entre 21mm e 35mm.

Essas objetivas são conhecidas por oferecer uma visão extremamente ampla, que permite capturar boa parte do cenário externo.

Tripé

A falta de um tripé não te impedirá de produzir imagens incríveis, entretanto, ele pode te ajudar a deixar sua criatividade voar com mais liberdade.

Com o tripé, você pode trabalhar com velocidades baixas de obturador sem obter fotos tremidas. Uma boa técnica criada com velocidade baixa é a longa exposição, especialmente usada para capturar luzes de faróis e carros nas ruas.

Caso você trabalhe com fotografia artística da arquitetura, é indicado que você use um tripé portátil que possa te acompanhar para todos lugares.

Entretanto, se você produz fotos com propósitos comerciais e pode investir, é interessante optar por um tripé profissional.

Outros equipamentos

Todo fotógrafo precisa andar equipado com baterias extra e também um cartão de memória sobrando, para evitar surpresas e imprevistos.

Para as fotografias de arquitetura, especialmente as externas, é essencial que o fotógrafo ande com um guarda-chuva ou qualquer material que possa proteger o equipamento da chuva.

Utilizando drones para visão aérea

O lançamento dos drones transformou a forma de fazer fotografias aéreas, tornando-as mais acessíveis aos profissionais.

Com o aparelho é possível fazer fotos aéreas controlando o aparelho com controle remoto, mas é preciso treinar um pouco com o equipamento antes de se aventurar.

Além disso, é preciso colocar a segurança em primeiro lugar e descobrir em quais lugares o uso é permitido, para evitar qualquer problema.

Lentes ideais para interiores

Nos ambientes internos, as grandes angulares são perfeitas para capturar o cenário inteiro em apenas um clique.

Caso você possua uma lente zoom, que varia entre grande angular e tele objetiva, você possui um único acessório para fotografar cenários amplos e detalhes.

As lentes tele objetivas oferecem um enquadramento mais fechado, em que é possível valorizar mais os pontos menores da imagem.

Iluminação: Tire fotos em diferentes momentos do dia

A luz natural é um dos fatores que mais influencia o resultado final da sua foto, sendo capaz de mudar todo o clima da imagem.

Sendo assim, experimente fotografar durante diferentes momentos do dia e até em diferentes condições climáticas.

Assim como a luz solar varia de acordo com os horários, ela também se transforma com o clima. Dias nublados, por exemplo, oferecem uma iluminação distinta a uma tarde ensolarada.

Quanto mais você explorar a influência da luz natural sobre seu cenário, mais fácil será escolher a melhor iluminação.

Ângulo e composição

O ângulo e a composição são os fatores determinantes da qualidade de uma imagem e da criatividade de um fotógrafo.

Você pode levar 10 fotógrafos o mesmo local, mas cada um deles terá visões diferentes, e expressaram isso por meio dos ângulos trabalhados.

Confira algumas dicas de composição que podem te ajudar a adaptar o seu olhar à fotografia de arquitetura.

Utilize as linhas com sabedoria

Especialmente em fotografias externas de prédios e construções, é essencial estudar as linhas do cenário e utilizá-las com sabedoria.

O formato das linhas e a forma como elas interagem com outras figuras transformam a imagem completamente! Analise o cenário e faça diversos testes até criar uma composição atrativa aos olhos do público.

Regra dos terços na fotografia de arquitetura

Nem tudo precisa ser centralizado no enquadramento, na verdade, é interessante trabalhar com a regra dos terços para valorizar o cenário.

Na regra dos terços, a foto é separada em quadros, de forma que os pontos de encontro entre as linhas são as áreas em que você quer posicionar o item de destaque.

Aproveitando texturas e detalhes

Na arquitetura, as cores e texturas podem transformar o visual de um cenário completamente. Sendo assim, eles precisam ser valorizados na fotografia.

Analise a combinação entre as cores, texturas e linhas para criar um ângulo atrativo do cenário e atrair a atenção do público.

Galeria: Inspire-se com lindas fotos de arquitetura

Agora que você sabe tudo o que precisa sobre a fotografia de arquitetura, chegou o momento de se inspirar para colocar a mão na massa!

Confira a nossa galeria com belas fotos de arquitetura que podem servir de exemplo para sua próxima criação.

Fotos de prédios

Os prédios são objetos mais comuns entre as fotos de arquitetura, especialmente para os fotógrafos artísticos que gostam de explorar as paisagens.

Nas cidades, os prédios constroem belas linhas e ângulos que podem ser explorados para criar uma fotografia única e incrível.

fotografia de arquitetura dicas

fotografia de arquitetura dicas

Fotos de ambientes internos

A fotografia de arquitetura não se resume apenas aos cenários externos, mas também aos ambientes internos, especialmente os decorados utilizados para venda de imóveis.

É importante capturar uma visão ampla do ambiente, mas também valorizar os detalhes, se possível.

fotografia de arquitetura ambiente interno

fotografia de arquitetura

Fotos de monumentos históricos

Todas cidades possuem monumentos históricos belos que rendem belas fotografias. Como mencionamos anteriormente, a fotografia também é utilizada para documentar momentos históricos.

Sendo assim, é interessante registrar pontos e monumentos turísticos para conhecer a história e identidade do local.

fotografia de arquitetura monumento

fotografia de arquitetura

Fotos de construções modernas

As construções modernas que se destacam nos cenários urbanos também costumam ser grandes estrelas na fotografia de arquitetura.

Por conta das suas linhas, cores e texturas originais, é possível criar fotos criativas e originais com este cenário.

fotografia de arquitetura construcoes modernas

fotografia de arquitetura

Conclusão

A fotografia de arquitetura exige do fotógrafo um olhar apurado e conhecimento básico sobre o assunto. Para criar fotos atrativas ao público, é preciso estudar e analisar a estrutura dos projetos.

fotografia de arquitetura dicas

Por mais que ofereça várias oportunidades comerciais aos fotógrafos, a arquitetura também é um objeto do olhar artístico dos profissionais.

Leia também:

E você? Agora que já conseguiu dicas essenciais para a fotografia de arquitetura, está pronto para registrar os cenários urbanos? Compartilhe sua opinião nos comentários!

Escrito por Equipe Fotografia Mais

Equipe de Fotógrafos, redatores e designers responsáveis por conteúdos exclusivos e de alta qualidade sobre fotografia para o mercado brasileiro.

190 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *