Posted in:

O Que é uma Câmera Full Frame? Conheça Todos os Detalhes!

full frame

Está procurando mais informações sobre o full frame para descobrir se vale a pena fazer esse investimento?

Full frame é um formato de sensor encontrado em câmeras digitais. Aprenda mais sobre o assunto!

Certamente, você que está se aprofundando no mundo da fotografia já ouviu falar de Full frame. É comum que ela seja mencionada quando falamos em câmeras DSLR.

Mas afinal, ao que se refere essa expressão? E, principalmente, quais são as vantagens e desvantagens que uma câmera full frame te oferece?

Como estamos sempre ressaltando por aqui, entender e dominar seu equipamento é fundamental para produzir ótimas fotografias.

Por isso, além de continuar lendo esse artigo e aprender sobre o full frame, dê uma olhada também nesse outro conteúdo, sobre obturador.

A seguir, você aprende tudo o que precisa saber sobre o full frame! Este artigo conta com informações importantes sobre o funcionamento desse tipo de sensor e suas vantagens.

Aprenda também a diferença entre as câmeras full frame e as APS-C. Confira:

Índice

  1. O que é uma Câmera Full Frame?
  2. Para que Serve o Sensor da Câmera?
  3. Os Tamanho dos Sensores de Imagem
  4. A Diferença entre o Sensor Cropado (APS-C) e Full Frame
  5. Fator de Corte
  6. Lentes para Câmera Full Frame
  7. Vantagens da Câmera Full Frame
  8. Desvantagens da Câmera Full Frame
  9. Quando Usar a Câmera Full Frame?
  10. Você Realmente Precisa de uma Câmera Full Frame?
  11. Conclusão

O que é uma Câmera Full Frame?

o que é camera full frame

O termo full frame pode ser traduzido como “quadro completo”. Em fotografia, ele é utilizado para indicar que uma câmera digital possui um formato de sensor de imagem do mesmo tamanho que um filme de 35mm usado em câmeras SLRs analógicas.

Atualmente, a grande maioria das câmeras digitais, tanto compactas quanto modelos SLR, utilizam sensores de imagens menores que isso. O motivo é simples: é mais barato e mais fácil fabricá-los.

Essa variação de dimensão algumas diferenças na captação da imagem. No geral, considera-se se as câmeras full frame produzem imagens mais nítidas e com menos ruído. Além disso, oferecem maior versatilidade para o controle de foco e uso de lentes.

É claro, tudo isso significa que as câmeras full frame são mais caras do que os modelos convencionais. Muitos fotógrafos profissionais parecem favorecer esse formato de sensor.

No entanto, as outras características da câmera, bem como seus objetivos com a fotografia e perfil de uso devem ser considerados na hora de fazer essa escolha.

Para que Serve o Sensor da Câmera?

full frame sensor

Você já deve ter ouvido falar que o sensor da câmera é o substituto do filme. Isso porque esse componente é o responsável por captar as imagens. Ele faz isso registrando os níveis de luz aos quais o equipamento é exposto quando o botão de disparo é acionado.

O sensor das câmeras digitais possui milhões de células sensíveis à luz. Cada uma delas gera uma carga elétrica quando atingida pela luz que entra na câmera através da lente.

O processamento da câmera, então, transforma as cargas elétricas em uma imagem – cada uma cria um pixel na imagem final.

Os Tamanho dos Sensores de Imagem

Historicamente, os primeiros modelos SLR digitais, como a Nikon NASA F4 ou Kodak DCS 100, usaram um sensor menor do que os presentes nas câmeras analógicas.

O filme de 35mm teria o equivalente a 6000 pixels de resolução horizontal. E quem lembra das primeiras câmeras digitais sabe que isso é bastante para os modelos na época.

É por isso que uma foto de 14MP tirada em uma câmera compacta não tem a mesma qualidade do que uma  tirada em um modelo DSLR de 14MP. O tamanho do sensor influencia diretamente a qualidade da foto.

Um sensor de imagem full frame, no entanto, não significa apenas imagens mais nítidas. O ângulo de captura da imagem também é ampliado, conforme explicaremos nos próximos tópicos.

A Diferença entre o Sensor Cropado (APS-C) e Full Frame

Em geral, o sensor full frame tem um tamanho de 36 x 24mm, que é exatamente o mesmo que um filme de 35mm. Já o sensor APS-C tem 22 x 15 mm.

O APS-C está presente na grande maioria das câmeras digitais, e também é conhecido como sensor “cropado”. Isso porque seu ângulo de captura é normalmente menor.

Devido ao sensor maior, as câmeras full frame aproveitam mais o espaço do que as câmeras com APS-C.

É comum também ouvir que, em uma APS-C, uma lente de 50mm “vira” uma de 80mm, por exemplo. Essa informação, no entanto, não é precisa.

Em uma câmera APS-C, a lente 50mm irá cortar as bordas da imagem. O resultado pode parecer com o ângulo de uma 80mm.  Mas características como a distância focal, a separação de planos, profundidade de campo e distorções não serão alteradas.

Na verdade, o que muda é apenas o ângulo de visão. Vamos ver um exemplo com a mesma lente de 50mm.

Em uma câmera full frame, ela possui um ângulo de visão de 46,8º. Já quando utilizada em uma câmera de sensor APS-C, o ângulo de visão passa a ser o de 31,4º.

Fator de Corte

Todas as objetivas projetam uma imagem circular. O que muda com o sensor full frame é o aproveitamento dessa imagem refletida.

Ou seja, a lente enviará uma imagem redonda para o interior da câmera. Dependendo do tamanho do sensor presente, uma porção maior ou menor dessa imagem pode ser registrada.

Essa diferença entre a imagem transmitida pela lente e o ângulo real que o sensor é capaz de registrar é chamada de fator de corte.

Como Calcular o Fator de Corte

O fator de corte é normalmente especificado pelo fabricante da câmera, sendo que o padrão é de 1.6.

Mas como utilizar esse número para entender o que ele significa para suas fotografias, na prática?

É simples, basta multiplicar a distância focal da lente pelo fator de corte. Vamos fazer um exemplo para entender melhor.

Considere uma câmera com fator de corte 1.6. Isso significa que a lente de 50mm irá proporcionar um ângulo de visão semelhante a uma de 80mm (já que 50 x 1.6 = 80).

Viu como é fácil?

Lentes para Câmera Full Frame

full frame fotografia lentes

Existem, também, lentes que são feitas especialmente para funcionar melhor em conjunto com sensores full frame.

Elas incluem características como elementos ópticos maiores, que fornecem ao sensor uma imagem que aproveita toda sua capacidade. Em geral, também possuem maiores aberturas de diafragma, o que torna estas objetivas mais luminosas.

A construção dessas lentes é frequentemente mais robusta e elas são capazes de projetar uma imagem mais nítida no sensor.

Vantagens da Câmera Full Frame

full frame vantagens

As câmeras full frame apresentam muitas vantagens. Conheça as que mais chamam a atenção de fotógrafos profissionais no mundo todo:

  • Maior qualidade de imagem: como as imagens capturadas são maiores, as câmeras full frame são frequentemente utilizadas para fins que exigem impressões em grande escala. Quando a foto a ser impressa é pequena, não existem tantas diferenças. Mas falando, por exemplo, de um outdoor, o sensor full frame se torna muito útil.
  • Menos ruído na imagem: a resolução das fotografias ainda estão limitadas pelo tamanho do sensor das câmeras. Um sensor maior possibilita a presença de mais células fotossensíveis, o que produz uma imagem mais nítida.
  • Maior faixa dinâmica: a faixa dinâmica se refere à capacidade da câmera de registrar detalhes na imagem, tanto na luz quanto na sombra. Isso significa que sensores full frame são capazes de capturar uma quantidade maior de cores.
  • Maior ângulo de captura: as câmeras full frame, como explicamos, ampliam o ângulo da área fotografada, possibilitando registrar mais detalhes da cena.
  • Mais opções de foco: o foco de uma câmera está amplamente relacionado à profundidade de campo. As câmeras full frames possibilitam um foco seletivo mesmo com baixa distância focal.
  • Fidelidade da distância focal da lente: muitos fotógrafos têm dificuldades para reproduzir os efeitos de algumas lentes em específico em câmeras APS-C, devido ao fator de corte. As lentes mais rápidas, como por exemplo uma óptica de 35mm f/1.4, são dificílimas de achar para as APS-C.

Desvantagens da Câmera Full Frame

full frame fotografia desvantagens

É claro, as câmeras full frame também possuem seus pontos fracos. É por isso que sempre ressaltamos que a câmera ideal – e todo o equipamento fotográfico – depende muito dos seus objetivos. Veja algumas desvantagens da câmera full frame para considerar antes de investir:

  • Maior investimento inicial: as câmeras full frame, bem como as lentes direcionadas para estes modelos são consideravelmente mais caras do que as versões APS-C.
  • Menor desempenho à longa distância: ao fotografar assuntos distantes, talvez você queria que o ângulo de captura seja menor. Para fotógrafos de vida selvagem ou esportes, por exemplo, a câmera full frame pode não ser uma boa pedida.
  • Para fotografar a longas distâncias, você precisará investir em uma telephoto. Por exemplo, se você usa uma lente 200mm em uma câmera APS-C, a imagem capturada será praticamente igual a uma DSLR full frame em uma lente telephoto de 300mm.

Quando Usar a Câmera Full Frame?

quando usar full frame fotografia

Agora você já conhece o funcionamento e as principais características de um sensor full frame. Mas quais são os momentos ideais para utilizar esse recurso?

Considerando o ângulo de captura maior e aumento da nitidez das imagens, essa pode ser uma ferramenta interessante nas seguintes situações:

  • Paisagens: uma grande-angular em combinação com uma câmera full frame produz resultados espetaculares ao fotografar cenas amplas e detalhadas.
  • Ao utilizar lentes que proporcionam distorções, como as olho-de-peixe: a câmera full-frame poderá aproveitar ao máximo o efeito oferecido pela lente, já que não limita a angulação.
  • Quando o material final será grande ou impresso: fotos que precisarão ser ampliadas, como as impressas em álbuns, revistas e principalmente outdoors, ficam melhores quando capturadas com câmeras full frame.
  • Em situações onde não é possível se afastar mais para ajustar a composição: o ângulo maior da full frame possibilita que você tenha mais opções de composição e foco sem precisar mover seu equipamento.

Você Realmente Precisa de uma Câmera Full Frame?

É verdade, os equipamentos de fotografia podem ser de grande ajuda para alcançar exatamente o efeito que você queria em uma imagem. No entanto, eles não são estritamente necessários na maioria das situações.

É claro, uma câmera full frame ou o acessório correto podem te ajudar a aperfeiçoar sua técnica e produzir a imagem perfeita. Mas também é possível tirar fotografias incríveis com uma APS-C.

Afinal, você já não viu fotografias inacreditáveis tiradas apenas usando um smartphone? E o tamanho do sensor deles é ainda menor!

Então, nossa resposta para essa pergunta é: depende dos seus objetivos.

Uma câmera full frame pode performar bem melhor em algumas situações. Enquanto, em outras, o ideal é mesmo um ângulo mais fechado.

O importante mesmo é entender bem como usar o equipamento que você tem disponível, aprender a se adaptar a diferentes situações e nunca parar de aprimorar suas técnicas!

Conclusão

camera fotográfica full frame fotografia

Uma câmera full frame possui um sensor de captura de imagem do mesmo tamanho que o de um filme 35mm. Isso significa que ela é capaz de registrar uma porção maior da imagem refletida pela lente e produzir ângulos de visão mais fiéis à distância focal especificada neste acessório.

No entanto, existem algumas situações onde as câmeras com sensores menores, como as APS-C, podem oferecer mais vantagens. A melhor opção de equipamento, como sempre, vai depender do efeito que você espera conseguir com o seu clique.

Neste artigo, você aprendeu tudo o que precisa saber sobre o full frame, desde seu funcionamento e origem até em quais situações essa ferramenta vai te beneficiar mais. Agora, você pode escolher seu equipamento de maneira mais informada e objetiva!

Quer continuar melhorando suas técnicas em fotografia? Leia também esses outros artigos que preparamos para você:

E você, que tipo de câmera utiliza? Se você adquiriu uma destas, considera que essa foi uma boa escolha? Divida sua experiência conosco nos comentários e não esqueça de perguntar se ainda ficou com alguma dúvida!

Escrito por Equipe Fotografia Mais

Equipe de Fotógrafos, redatores e designers responsáveis por conteúdos exclusivos e de alta qualidade sobre fotografia para o mercado brasileiro.

89 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Quero ser cadastrado na LISTA VIP